Carregando...

12 de fevereiro de 2019

Caverna da Homenagem em Rosário do Ivaí e Rio Branco do Ivaí


Pessoas de espírito aventureiro e apaixonados pela natureza como eu muitas vezes sonham em conhecer lugares destes vistos em documentários televisivos ou em capas de revista. O fato é que podemos de vez em quando ser surpreendidos por cenários bem próximos da gente, na própria região em que moramos.
Eu moro na cidade de Rosário do Ivaí, PR, que pertence ao Vale do Ivaí de Natureza e Fé. Mesmo nós que somos daqui ainda não vislumbramos todas as belezas possíveis que existem por aqui. Hoje venho contar para vocês sobre a aventura que realizei a poucos dias para conhecer a "Caverna da Homenagem", um local incrível e mágico. 
Apesar de pouco conhecida do público em geral, esta caverna já foi até mesmo tema de artigo científico, sendo catalogada desde o ano de 2007 (acesse o artigo AQUI).  Inclusive, um dos autores deste estudo, Melvis Nogueira da Silva, foi um dos amigos que me acompanharam nesta aventura, juntamente com outros três amigos desbravadores Cláudio Luiz Tassi, Fábio Pereira da Silva e Osmiranou Lustroso Siqueira Alves. Partindo de motocicletas de Rosário do Ivaí, gastamos cerca de meia hora até o ponto onde seguimos a pé, descendo o morro onde fica localizada a caverna. Um pouco apreensivos no início, por não haver uma trilha bem definida para chegada à entrada da carverna, seguimos um pouco do instinto natural ao acompanhar o sentido de um riacho existente no grotão. Poucos minutos depois estávamos de frente para a imponente caverna. O riacho do qual falei, como verificamos depois, nasce no interior da Caverna e constitui um atrativo à parte neste lugar especial da natureza.
Ao centro da imagem a cidade de Rio Branco do Ivaí, próxima à caverna

Região da Caverna da Homenagem



É importante frisar que ao visitar a caverna, não faça muito barulho pois existem guardiões naturais no local. No teto da entrada principal, a alguns metros de altura há uma respeitável colméia de abelhas. Nada que vá atrapalhar sua visita. Mas é bom ser cauteloso. Por falar nisso, para visitar um lugar como esse é necessário ir preparado com roupas adequadas e um bom calçado de trilha. Lanternas fortes também são essenciais, pois a partir de um momento a luz natural chegará a zero e só o com iluminação artificial será possível continuar! Após adentrar o salão da entrada da Caverna, haverá um acesso estreito de alguns metros que lhe obrigará a se locomover com os joelhos no chão. Como disse antes, há um pequeno fio d'água que brota do interior da caverna. Então prepare-se para se molhar se for preciso. Quando o trecho estreito acabar, as coisas ficarão bem mais tranquilas e interessantes, pois poderemos andar em pé por corredores que dão acesso a salões grandes onde cabem várias pessoas em pé. O destino final desta aventura é encontrar a origem do riacho que corre pelo piso da Caverna. Após ter percorrido dezenas de metros pela caverna, tivemos uma grata surpresa ao encontrar um pequeno salão do qual brota uma refrescante água do teto de rocha. É um chuveiro natural, a nascente do riacho que segue para fora da caverna. Um lugar mágico que certamente merece um registro fotográfico. Se você chegar até este ponto, ao usar seu celular ou câmera fotográfica, seja cuidadoso com a umidade e a areia do local que provavelmente estará em suas mãos (rs rs rs). Para fotos melhores, confie mais nas luzes das lanternas do que no flash do celular, pois o ambiente é muito escuro. Após alguns minutos no local, respeitamos nosso horário que já estava avançado e fizemos o retorno, deixando para trás somente boas lembranças deste lugar maravilhoso do Vale da Aventura. Pelo que notamos, a caverna recebeu ao longo dos anos um fluxo até razoável de pessoas, pois há várias marcas de nomes e gravações diversas nas paredes da caverna. Não é uma prática aconselhável num ambiente assim, mas sabemos que o ser humano faz isso desde o tempo das cavernas, não é mesmo? (Kkk)








Os aventureiros...










Boca da Caverna





Caso tenha interesse em conhecer a Caverna da Homenagem, saiba que ela fica a apenas 15 km do centro de Rosário do Ivaí e a uma distância ainda menor de Rio Branco do Ivaí, o município onde está localizada a caverna. Criei uma rota de referência até o início da Trilha, onde deixamos as motos. O percurso também pode ser feito de carro até uma altura e caso você queira incrementar ainda mais sua aventura, é possível usar uma bicicleta Mtb até o mesmo ponto das motos. De bike o tempo estimado passa de uma hora, conforme seu nível para subidas. Prepare-se pois há uma variação de altitude de mais 500 metros de Rosário do Ivaí até o alto da Serra onde se encontra a caverna.
Use o Strava para seguir a rota, um aplicativo de ciclismo e corrida bem popular para smartphones.

Confira Caverna da Homenagem: Rota de Ida Saindo de Rosário no Strava.
https://www.strava.com/routes/17063641
 Rota no Strava para a Caverna da Homenagem



Confira também meu vídeo sobre a aventura e e passa lá no YouTube para deixar o seu joinha caso tenha gostado.

Até a próxima aventura!

0 comentários:

Postar um comentário

Use seu Facebook para comentar!

 
Mostre algo mais!
TOP